Avosos renova Termo de Pactuação com município de Aracaju


Em 11 de novembro de 2016 a Associação dos Voluntários a Serviço da Oncologia em Sergipe assinou, após quatro anos e meio de luta, o Termo de Pactuação com o município de Aracaju, com base no inciso V, do artigo 31, da Portaria nº 834 de 26 de abril de 2016, no qual constitui objeto do Termo: “O estabelecimento de Pactuação em Gratuidade na Área de Saúde SMS e Avosos, para o apoio e suporte no tratamento de crianças e adolescentes, carentes e de baixa renda, com suspeita e portadoras de câncer e doenças hematológicas crônicas que estejam sob o cuidado da instituição nos atendimentos ambulatoriais e na Casa de Apoio (alojamento)”. Nesta semana o Termo foi renovado.

Segundo o presidente voluntário Wilson Melo, a Avosos não receberá recursos financeiros do município de Aracaju por meio da Pactuação, mas a renovação do Termo é importante, pois consolida a contribuição direta da instituição, ao longo de mais de 30 anos, para a melhoria da qualidade do acesso aos serviços de saúde em Aracaju. “Há 33 anos estamos engajados nas ações em defesa de crianças e adolescentes com câncer em Sergipe, juntamente com Tia Ruth, outros voluntários e profissionais vinculados à instituição. Ter este pacto com o município é também um passo importante na conquista de novas certificações”, informa Wilson Melo.

O presidente destaca ainda que a Avosos, de janeiro a dezembro de 2017, atendeu 453 crianças e adolescentes, sendo 74 com suspeita de câncer. Destes, 28 foram confirmados, 23 não confirmados e 23 ainda estão em avaliação. Além disso, foram cadastrados 59 novos casos, sendo 53 câncer infantojuvenil e 6 com doenças hematológicas crônicas, pacientes diagnosticados na Avosos e no HUSE.

Recursos

Os recursos disponibilizados para esses atendimentos são oriundos de campanhas junto à sociedade e principalmente da unidade prestadora de serviços da Avosos, o Centro de Oncologia Dr. José Geraldo Dantas Bezerra. A clínica atende pacientes adultos com câncer por planos e cooperativas de saúde. São esses pacientes que ajudam ao tratamento das crianças e adolescentes assistidos pela Avosos.

Ainda segundo Wilson Melo, o abandono ao tratamento é zero por conta da Casa Tia Ruth de Apoio à Criança e ao Adolescente com Câncer. “Foi mais um ano de realizações e vitórias para a família Avosos. Finalizamos 2017 com a certeza de termos, mais uma vez, agilizado e contribuído com a qualidade do tratamento e de vida dos nossos assistidos. Graças à equipe de voluntários e funcionários, doadores e a sociedade. O amor cura!”, pontua o voluntário.

Além desses medicamentos também são disponibilizados exames especializados (PET-scan, ressonância, tomografia e outros) para pacientes em tratamento e com suspeita da doença. Importante destacar que esses dados são informados aos órgãos competentes sempre que solicitado e/ou quando na prestação de contas periódicas, bem como são publicados aqui, no site da instituição, e nos balanços semestrais/anuais.

Casa de Apoio

Além de assistir aos casos suspeitos para confirmação ou não do diagnóstico, a Avosos oferece ainda serviços de uma equipe multidisciplinar, composta por assistente social, fisioterapeutas, nutricionista, odontóloga, pedagoga e psicóloga. Além disso, A Avosos oferece passagens, cestas básicas, dentre outras necessidades.

A assistente social da instituição, Sara Mônica, informa que a Avosos é referência regional na área. “Além do alojamento e de atividades recreativas e lúdicas, oferecemos consultas e procedimentos para tratamento. A nossa casa de apoio contém 72 leitos para hospedagem, refeitório, cozinha, lavanderia, espaço multieventos, horta, brinquedoteca, biblioteca, oficina de informática, estar das mães, videoteca, sala de jogos, sala de recreação e auditório. Tudo isso para melhor atender à criança e ao adolescente que chega a Avosos”, revela Sara Mônica.