Treinamento de novos voluntários da Avosos acontece no mês de Março


Imagine uma instituição sem fins lucrativos que mobiliza em média 130 voluntários e 70 funcionários em prol de crianças e adolescentes com câncer. Esta é a Associação dos Voluntários a Serviço da Oncologia em Sergipe, instituição que há 30 anos acolhe, com carinho e profissionalismo, em torno de 430 assistidos por ano. Quem desejar ingressar nesta grande família, iniciada há 37 anos por Maria Ruth Wynne Cardoso (Tia Ruth), deve participar do Treinamento de Novos Voluntários, ministrado anualmente nas tardes das segundas-feiras do mês de Março.

Segundo Jeane Vieira Melo, coordenadora do Voluntariado da Avosos, há alguns anos a instituição mantém esta metodologia de realizar o Treinamento uma vez por ano. “O primeiro passo para ser voluntário da Avosos é visitar nossa sede. Durante a visita, que pode ser feita ao longo do ano, é realizado um cadastro. O interessado é convidado então a participar e, em seguida, verificar em qual setor se identifica mais”, informa a voluntária, que também é uma das fundadoras da instituição.

Treinamento de Novos Voluntários 2017

Podem participar do Treinamento pessoas maiores de idade, que receberão informações sobre temas específicos na área do câncer infantojuvenil. “Este é um momento importante, pois só assim o candidato a voluntário poderá ser alguém informado dentro da instituição. O que é a Avosos, a Equipe Multidisciplinar, o trabalho voluntário… Após a inscrição e o treinamento haverá uma entrevista no setor de Psicologia da casa de apoio. Durante este processo, quem desejar já pode conhecer os locais, conversar com os profissionais e com outros voluntários”, pontua Jeane Vieira.

Ainda segundo informações da voluntária, durante um ano o candidato estará se adaptando à instituição. “É um período de adaptação, de conhecer a Avosos e se entrosar. Penso que esta é uma decisão de cada um. Há pessoas que rapidamente já se integram às atividades e outras não dão continuidade. Imagino que, quando isso acontece, é porque talvez não fosse ainda o momento ou porque o candidato tinha outra visão sobre voluntariado. Ninguém é obrigado a fazer trabalho voluntário, mas quando se compromete deve cumprir o combinado, mesmo que seja uma vez por mês ou por semana, não importa, pois o que vale é o compromisso com a causa”, destaca a fundadora, reforçando que a Avosos abre as portas para todos que desejam ser voluntário.